Tudo o Que Você Não Vê

large

Às vezes, do nada, me pego pensando em você e nos motivos que me fazem gostar tanto assim de ti. Pode ser que pense que não tem nada de especial, que é só mais um cara comum cheio de defeitos como tantos outros por aí. É que a visão que eu tenho talvez seja tudo o que você não vê. Você tem um quê de perfeição, sabe? Mas não aquela perfeição das histórias que enchiam nossa mente quando criança. É uma mistura de imperfeições que te tornam assim tão especial. Tão você. E são esses defeitos – que eu tanto odeio – que me aproximam de você.

Odeio o seu jeito tão desprendido que me deixa sem controle de tudo e sem certeza de nada. Que me faz admitir que sinto sua falta e quebrar o meu silêncio. Odeio como você consegue ser tão independente. Eu, com a minha mania de agradar a todo mundo, e você aí sendo você mesmo, todo nem-aí-pra-nada-nem-ninguém. E odeio como isso te deixa inexplicavelmente atraente. Odeio o jeito como você consegue desorganizar meus pensamentos só com um olhar. Esses seus lindos olhos que me fazem sorrir tão facilmente. Odeio como você é capaz de estar presente em tudo ao meu redor. Uma música. Um trecho de um livro. Uma paisagem qualquer. Odeio como você me faz pensar em largar tudo e me aventurar num caminho sem rumo. Fazer uma road trip sem destino. Apenas eu, você, um velho trailer e um par de sonhos.

Ainda se pergunta porquê eu gosto tanto de você? Você me fez amar todos os defeitos que eu jurava jamais aceitar em alguém. Me fez quebrar todos os conceitos pré-concebidos na minha mente que me separavam da realidade. Que gente perfeita não existe mas são as imperfeições, essas sim, que tornam alguém único. Esse é o tudo que eu vejo e você não vê: um alguém com defeitos perfeito pra mim.

Vou Buscar o Meu Amor

image

Ah, esses olhos…
Esses olhos que amanheceram inchados de tanto chorar até pegar no sono. Esses olhos que leem frases lindas e cheias de carinho são os mesmos olhos que escorreram rios de lágrimas por não poder ver de pertinho o dono dessas frases. São os mesmos olhos que dão um sorriso de tristeza. São os mesmos olhos que assistem o desespero da distância.

Distância ingrata! Por poucas vezes eu senti um sentimento tão verdadeiro e bonito, e entre isso tudo mora a distância, essa terrivel distancia que ri de tudo o que sinto. Estou a beira da loucura, não, estou a beira de cometer uma loucura. Aí, dona distância, quero ver só você ficar esparramada por esses quilometros, vou passar por cima de você! Vou atrás do meu amor e tenho certeza, você não será mais o meu problema.

Loucura? Talvez possa até ser, eu aceito ser chamada de louca, mas estou indo atrás do que eu sinto. Tenho medo, tenho desespero, tenho ansiedade, aaaah eu tenho tudo que o amor trás com ele! Mas eu aceito, por enquanto, só até eu conseguir ver aquele sorriso lindo, e depois disso continuarei sendo a louca, mas serei uma louca extremamente feliz.

Não quero nada disso mais. Nada de olhos inchados, nada de medo, nada, nada, nada… Eu quero só sentir o amor, e os abraços, e os beijos, e os carinhos e é por ele que vou cometer essa loucura. Já sinto a adrenalina correr pelas minhas veias! Nesses meus 20 anos já fiz muitas loucuras, mas não uma tão grande quanto essa, e apostem só, eu vou buscar o meu amor.

4 Coisas para Fazer no Feriado

wpid-img_20140417_151721.jpgSemana Santa começou hoje, mas nem todo mundo vai viajar, né? Sempre procuramos algo diferente para passar o tempo fazendo alguma coisa boa e bem divertida. Então para você que vai ficar curtindo o feriado em casa fiz uma lista das coisas que eu,  Fernanda, vou fazer no meu feriado, vamos lá!

– Fazer maratona do seu filme ou serie favorita – A maratona de hoje vai ser as 4 primeiras temporadas de Grey’s Anatomy, a série que eu mais amo assistir! As primeiras temporadas são as melhores e mais engraçadas, então irei passar a sexta-feira assim! E talvez na segunda a maratona seja de Harry Potter haha ❤

– Experimentar fazer algo diferente na cozinha – Eu amo inovar na culinária, mesmo não tendo muita prática, cozinhar pra mim é uma diversão. A receita escolhida é um lanche da tarde delicioso: torta de pão de forma. Logo mais posto a receita aqui para vocês.

– Marcar um passeio para rever os amigos – Infelizmente tenho uma rotina muito puxada e não é sempre que dá pra ver e sair com os amigos. Então marquei um encontro com algumas amigas do ensino médio para matar a saudade e colocar a conversa em dia, vai ser bem proveitoso!

– Ler aquele livro que você comprou, mas nunca leu – Estava terminando de ler a trilogia As Crônicas de Artur e por coincidência terminei de lê-la essa semana. Há umas duas semanas atrás eu comprei o livro No Jardim das Feras de Erik Larson e vou começar a ler nesse feriado, depois trago resenha para vocês também!

Então, essa é a minha programação para a Semana Santa, além de estar junto com a família vou me divertir um pouco fazendo as coisas que gosto. E você, o que fará no feriado? Conte aqui!

Hoje Lembrei de Você

Imagem

Hoje lembrei de você. E que saudade me deu! Saudade do seu bom dia que, despretensioso, anuncia o início do melhor dia da minha vida. De como seu abraço me faz sentir a pessoa mais protegida do mundo. Dos seus beijos que têm o poder de parar o tempo e eternizar cada momento. Quero te ver. Olhar em seus olhos mais uma vez e me perder. Quero te observar. Registrar cada gesto seu como se fosse único.

Lembrar de você é reviver cada momento, cada sorriso e cada silêncio que grita tudo o que não consigo dizer. É recordar as conversas, as mãos entrelaçadas e a sua cara quando tem ciúmes de alguns eventuais pedreiros-xavequeiros-de-ônibus. E eu acho graça. É tão fácil sorrir com você. É tão simples ser feliz ao seu lado.

Hoje lembrei de você. E não pense que se lembrei é porque em algum momento já esqueci. Longe de mim te esquecer. Saiba que amanhã, certamente, lembrarei de você também. Juro.

Minha Rotina de Estudos

image

Depois de contar que eu era uma vestibulanda de Medicina, vários leitores do blog me pediram pra contar um pouco mais sobre a minha rotina de estudos. Minha média gira em torno de 8 horas diárias, fazendo resumos e resolvendo uma boa quantidade de exercícios, para eu ter certeza de que entendi bem o conteúdo e de que venho estudando corretamente.

Confesso que é um pouco complicado a organização, ainda mais pra quem estuda sozinho assim como eu. Até hoje faço várias alterações no meu horário, tudo para que fique melhor e mais tranquilo de conseguir manter a rotina. Tenho lido vários artigos sobre as melhores maneiras de estudar, sobre alimentação para dar mais disposição, venho praticando exercícios físicos diariamente, pois é importante manter a saúde em dia para que a mente possa trabalhar bem.
wpid-mntsdcardAutodeskPixlr-Express2014-03-20-15.56.54-1.jpg.jpg
Esse quadro é a peça chave da minha organização diária. Vi em um intagram de uma vestibulanda de medicina (@eunamed) e ele me deixou muito mais disciplinada com minha rotina. Nele eu visualizo meus horários e qual matéria deve ser estudada naquela determinada hora. Ele vai de segunda a sábado, porém eu também estudo nos domingos, mas são por 4 horas apenas, afinal eu preciso de descanso!

Ter um lugar calmo e organizado é importante para o desenvolvimento dos estudos. É nele eu passo a maior parte do tempo nos meus dias, então preciso que ele seja bem harmonioso para poder me concentrar durante a maratona. Ter um espaço fixo reservado para esse tipo de tarefa auxilia na memorização e fixação da matéria.
wpid-mntsdcardAutodeskPixlr-Express2014-03-20-16.04.29-1.jpg.jpgMeus resumos e anotações são essenciais para o aprendizado principalmente se for uma matéria que eu tenha maior dificuldade de entendimento (tipo física, rs) e na hora de resolver os exercícios, eles me auxiliam e me ajudam a lembrar o conteúdo.

Agora que vocês conhecem um pouco da minha rotina, que tal compartilhar a sua aqui nos comentários? 🙂

O que é amor?

sarah-blog4

 

No dicionário, uma das definições de amor, diz: “Sentimento que induz a aproximar, a proteger ou a conservar a pessoa pela qual se sente afeição ou atração”.

E na vida? É só isso?

É diferente a teoria da prática. Sentir, é mais do que só ouvir definições.

Acredito que tal sentimento tem “sintomas” diferentes de pessoa pra pessoa. Pra mim, amor é querer cuidar mais do que cuida de si, se preocupar, chorar e sorrir junto, brigar quando necessário e, logo fazer as pazes. É querer abraçar a todo tempo. Querer estar perto a todo momento e não conseguir ir embora, quando isso acontece. É acordar se perguntando com o que ele sonhou e dormir esperando que ele pense em você ao deitar na cama.

É sentir as tais borboletas no estômago, sempre que o celular vibra e você vê que é ele. Conversar por horas e querer que elas não passem pra que possam conversar mais. É sentir ciúmes. Querer que ele fale contigo o dia todo. É deixar o orgulho de lado e chamá-lo pra conversar, quando algo tá errado. É pensar nele quando precisa de alguém pra desabafar. É sorrir com um simples “Oi”. Chorar de preocupação quando algo acontece a ele. Ver beleza, onde muitos só veem problemas. Enxergar os defeitos e, mesmo assim, continuar amando por que eles são pequenos demais, comparados ao amor.

Amar é perdoar o que os outros julgam imperdoável. Esquecer como é a vida sem ele porque, agora, tudo é melhor, mais feliz, tudo faz mais sentido. É sentir saudade. Ter medo de perder. Querer a felicidade dele, mesmo que custe a sua. É passar por cima de limitações. É, muitas vezes, deixar suas vontades de lado, pra satisfazer as dele. Brincar igual criança. Tirar sorrisos espontâneos. É dar valor às pequenas coisas. A primeira vez de mãos dadas? É quase um sonho. É querer registrar cada momento na memória, pra nunca esquecer. Ver no outro, um porto seguro, no qual você pode atracar e se proteger da tempestade.

Amar é fazer programas chatos que ele gosta, só pelo prazer de ficar mais tempo junto. Ter a sensação, de que nada faria sentido, se ele não estivesse ao seu lado. É querer tanto o bem estar da pessoa que, se fosse possível, tomaria para si, toda  dor e sofrimento que ele tá sentindo. É dar sua vida, se houvesse necessidade.

É clicar no botão “stop” quando a pessoa chega e, tudo à sua volta, parar… Só existe silêncio, em volta. É olhar nos olhos porque só ele te enxerga através deles. É criar planos pro futuro que, na sua cabeça, só existe se ele estiver presente. É perder o chão e esquecer que existe gravidade. É medo de ser trocado. Por mais bobo que seja, é  pensar em nomes pros seus filhos e pro cachorro. É se sentir à vontade de dizer o que sente, porque sabe que ele não vai te julgar. É confiar. Se importar com a opinião dele pra cada detalhe. É querer estar presente em cada momento da vida dele.

Amar é, acima de tudo, não saber o que sente. Amar é não sentir nada e tudo, ao mesmo tempo. É não conseguir descrever o amor e, mesmo assim, tentar.

Quando existe amor, o “para sempre” é pouco.

Daqui Para Frente

404877_199447463495512_1243059855_nDaqui para frente tudo será diferente. Eu sinto a mudança tomando conta de todo o meu ser. Ser alguém novo para viver uma vida nova. Mudar meus hábitos, mudar a trilha sonora dos meus passos. Esquecer o que já não volta mais, não esperar tanto do futuro, viver o hoje como se não houvesse amanhã. Definitivamente, trancar o baú de más lembranças e decepções, jogar a chave fora, reinventar. Sair por aí, não passar mais tanto tempo no velho comodo de quatro paredes de sempre. Sem amarras, sem promessas, sem ter que me preocupar com alguém que não se preocupa comigo. Não, não quero mais preocupações comigo, resolvi deixar-me livre. Quero arriscar, quebrar a cara, levantar, continuar, aprender, vencer. Não quero mais essa solidão. Quero sentir o vento passar pelo meu rosto arrancando cada partícula do ontem. Recomeçar, inovar, surpreender; essas são as três únicas palavras que ousarei em dizer para alguém de agora em diante.